30/11/2016

Cremes Básicos para Viajar - Update



Já faz algum tempo que escrevi um post sobre os cremes que levo em Viagem e como simplifico a rotina para não carregar muita coisa. O post antigo está neste link AQUI, mas farei um Update porque com o mestrado na Itália e retornando sempre ao Brasil precisei fazer um ajuste principalmente com os cuidados com a pele. Também escrevi neste  post AQUI sobre uma Necessaire que encontrei com vários bolsos e possibilidades de uso. No início deste ano comprei no Wall Mart dos Estados Unidos outra necessaire mais simples para viagens curtas que estou usando bastante.






Para hidratar a pele antes da maquiagem continuo usando a Água Termal da La Roche Posay rica em Sais Minerais, e recentemente comecei a usar a Água de Beleza Caudalie. Inicialmente por curiosidade depois das resenhas sobre alisar os traços, fechar os poros, luminosidade e ajudar na fixação da maquiagem. Foi tipo pagar para ver se funcionava e posso dizer que estou amando usar porque deixa a pele com uma sensação muito boa. 

CAUDALIE - https://br.caudalie.com/


Primer antes da maquiagem ajuda nas diferenças de temperatura e deixa a pele impecável o dia inteiro e principalmente em voos longos. Tenho levado em viagens apenas o Pore Profissional da Benefit ou Smashbox Photo Finish para a face e o Urban Decay Primer Potion Original para os olhos. Conheci a marca italiana Wycon e experimentei novos Primers como o bastão Stick Matte para a região T do rosto, o Primer Corrective para a área dos olhos e o Primer para os lábios. O link desta marca é: WINCON












O Filtro Solar da Adcos uso há anos  porque tem fator de proteção 60, não tem cheiro e ainda é tonalizante. Depois aplico o pó compacto da Adcos para finalizar a pele e Fator de proteção 50. Usava os pós em bastão por serem mais práticos em viagens e não quebrarem como os compactos, mas a cobertura do pó da Adcos é maravilhosa deixando a pele muito iluminada e ainda com fator de proteção 50. Para base uso a Studio Fix da Mac que tem uma boa cobertura e o corretivo da mesma linha. No inverno europeu e baixas temperaturas uso a Dermablend da Vicky porque é mais grossa e protege o ressecamento da pele nestes dias frios.









O Blush em bastão que usava da Clinique saiu de linha e não consegui achar nenhum outro semelhante. Normalmente uso Blush Orgasm da Nars e da Mac, mas procurei um baratinho para levar em viagem com medo de quebrar e acabei gostando muito da linha Bronze Soleil da Vult que já vem com as duas cores para blush e contorno. 

No post antigo comentei que estava a procura de uma sombra que não fosse em pó para não quebrar em viagem e encontrei na marca italiana Kiko Milano, uma em formato de um pequeno lápis bastão com várias cores disponíveis e práticas para qualquer necessaire. O lápis de olho ainda amo o 24/7 da Urban Decay que não borra, aguenta o dia inteiro e o lápis iluminador da Benefit hight Brown. Alguns anos atrás conheci a marca Essence da Alemanha e gostei muito das máscaras de olhos deles e recentemente comprei um kit de sombra para sobrancelha.










Continuo usando os lencinhos matificantes para passar no rosto durante o dia,  e principalmente nas diferenças de temperatura bruscas como sair de um ar condicionado e caminhar na rua. Eles retiram o excesso de oleosidade da pele sem retirar a maquiagem.





E para os cabelos que ressecam muito com o calor e ar condicionado do avião, aplico uma máscara hidratante em ampolas da Pantene. Não ocupam espaço na mala e depois do uso você joga a capsula fora, super práticas.





Continuo usando o creme de morango dos pés da Body Shop, o creme Neutrogena para as mãos e acrescentei o creme de unhas e cutícula da Granado.





Como estou variando muito a temperatura e ficando grandes períodos em voos longos dentro de um avião a minha pele precisou de um creme hidratante mais estruturado para os dias na Europa. Comprei em Roma um produto da Dermolab que levei à minha dermatologista para analisar e para esta situação que estou vivendo é perfeito. Também complementei com a linha Moisture Surge da Clinique para hidratar bem a pele e a Vitamina C da Payot na área dos olhos.





Esta é a linha básica que estou usando no momento com a diferença de temperaturas e descobrindo produtos de marcas europeias novas como a Kiko Milano, a Wycon, Caudalie Essence, etc. Mas o mais importante é deixar a mensagem que você pode se cuidar sem precisar levar o armário nas costas cheio de produtos e procurar colocar tudo em uma única necessaire para facilitar o uso em viagens.






27/11/2016

Molho Amatriciana - Um Clássico Italiano





Este ano a Itália passou por grandes terremotos que destruíram cidades inteiras e patrimônios artísticos valiosos, além do nosso coração metade italiano também ficar afetado. Acompanhei de perto por duas razões, uma por estar em Roma e sentir alguma consequência e segundo, tenho amigos que ficaram sem suas casas nas cidades de Camerino, Macerata e Ascoli Piceno. E a tristeza de ver algumas construções em cidades que visitei recentemente com amigos virem abaixo como Norcia e Casteluccio de Norcia que já escrevi no blog AQUI e AQUI

Dentre todas a mais destruída foi Amatrice, cidade famosa por dar origem ao clássico Molho italiano "Amatriciana" ou "Matriciana", as duas formas são corretas. Amatrice significa "amada". A Cruz Vermelha começou uma campanha para todos os restaurantes doarem dois euros para cada prato de Amatriciana que servirem e ajudarem as vítimas do terremoto em Amatrice.





No início do ano participei do Curso de italiano com gastronomia da SCUOLA DANTE ALIGHIERI em Camerino. Uma das aulas foi de molhos e aprendi a fazer o famoso Amatriciana que passo a receita para vocês. Para contato com a escola o link é este: http://www.scuoladantealighieri.org/ . No ano de 2017, após os terremotos que deixaram Camerino na área vermelha, a escola estará operando em Recanati que fica a 10 km do mar Adriático.





Molho Amatriciana - Receita

A Pasta original para acompanhar o molho é o Spaghetti, mas pode ser usado outros tipos como Bucattini, Rigatoni, Linguini, etc.

Ingredientes
1 Peperoncino fresco  (no Brasil pode ser a pimenta dedo de moça sem sementes ou peperoncino seco ou pimenta calabresa)
100 gramas de Guanciale (bochecha de porco defumada e no Brasil pode ser substituído por bacon)
50 gramas de vinho branco seco
300 gramas de tomates
1 cebola picada
3 dentes de alho
100 gramas de queijo pecorino ralado (no Brasil pode usar o parmesão)


Modo de fazer
Pique bem fino o Guanciale (ou bacon) e refogue em uma panela com um fio de azeite até dourar. Coloque o vinho branco para deglaçar e evaporar. Reserve o bacon deixando a gordura na panela para refogar a cebola e o alho. Acrescente o peperoncino (ou pimenta)
Em outra panela cozinhe 350 gramas de tomates em água. Retire a pele dos tomates e amasse formando um purê. Junte ao refogado acima e tempere com sal.

Cozinhe a pasta e misture o molho polvilhando queijo pecorino por cima.


Veja Também: