08/03/2015

Annecy - França

Palais D´Isle



No planejamento da nossa viagem, minha sobrinha e eu ficamos na dúvida se da Suíça iríamos para a Áustria ou a Provence no Sul da França, e o fator determinante na nossa escolha foi conhecer a cidade de Annecy que ficava no meio do caminho. Já fazia um tempo que queria incluir esta cidade nos roteiros porque pelas fotos já percebia o seu encanto, mas ao vivo foi muito melhor. É tudo isto o que podem ver nas fotos combinado com um clima francês no ar com vários bistrôs pelas margens dos canais e lojinhas com produtos locais como boulangerie, perfumes, sabonetes, etc. Estivemos na cidade durante a primavera o que foi ainda mais especial pela presença das flores e um clima muito agradável para caminhar e percorrer as ruas do centro histórico.







Annecy é uma pequena cidade na região Rhône-Alpes da França e vizinha da capital suíça Genebra. Conhecida como a Veneza Francesa por ser cortada por canais e às margens do lago Annecy, o segundo maior lago da França e a água mais cristalina da Europa.  
A melhor maneira de conhecer a cidade é caminhar ao longo do canal Thiou  com o Palais D´Isle e as  ruas de pedestres seguindo até a principal delas, a Rue Saint Claire e chegando ao Castelo de Annecy , a Basílica da Visitação e a catedral.

O Palais de I´lle é sem dúvida a atração mais procurada e emblemática da cidade, atualmente um museu de arquitetura, mas serviu de prisão na Idade Média, sede administrativa e até Capela Ortodoxa. A visita custa 3,50 euros e fechado às terças-feiras.





Chegamos de trem vindo de Genebra, na Suíça que fica apenas 40 km de distância e fizemos uma conexão na pequena cidade de Aix-Les-Bains. Compramos os bilhetes pela internet no site da Raileurope http://www.raileurope.com.br, pelo que pesquisamos não tem trens diretos para Annecy e dependendo de onde parte terá uma conexão em alguma cidadezinha antes.

Inicialmente programamos ficar mais tempo em Annecy e até escolhemos o Hotel Ibis que fica próximo da estação e é uma graça, mas no final preferimos chegar cedo e apenas passar o dia para aproveitar mais a região da Provence que era nosso objetivo nesta viagem. Aproveitamos bastante do dia inteiro que tivemos e deu tempo de conhecer a cidade e os principais pontos, almoçar tranquilamente uma crepe com a vista linda dos canais e provar os deliciosos doces e sorvetes. E para quem fizer o mesmo, uma dica muito importante é que não tem guarda volumes na estação como prevenção de ataques terroristas. Deixamos as malas em um mercadinho em frente à estação e não tivemos problema.







Para entender melhor a arquitetura e urbanismo da cidade é importante conhecer um pouco da sua história. Isto porque ,o  povoado de Annecy era conhecido como Boutae no Império Romano e com sua queda foi invadido por povos germânicos, burgúndios e francos. Os sobreviventes das invasões se refugiaram nas montanhas e depois, formaram um povoado ao longo do rio Thiou, hoje o centro histórico.

As cidades vizinhas de Genebra e Chambery também influenciaram a história da cidade que  se tornou Capital da região de Genebra e depois foi integrada à Casa de Sabóia. Em 1535, tornou-se um centro para a Reforma Católica com o avanço do calvinismo. Várias comunidades religiosas instalaram-se na cidade que ganhou o apelido de Roma da Sabóia e Roma dos Alpes. Francisco de Sales nasceu em Annecy e foi bispo de 1602 a 1622, seus restos mortais estão na Igreja da Visitação. Várias igrejas deste período podem ser visitadas no centro histórico como a Igreja Saint Maurice, Igreja Saint-Francois , etc. O Castelo de Annecy  do século XI e antiga residência dos Condes de Genebrafica bem próximo do centro histórico e pode ser  visitado com ingresso de 4,80 euros ou combinados com o Palais D´Isle 6,80, mas é fechado às terças.





Castelo de Annecy

Annecy também é conhecida pelo Carnaval Venitien ou Carnaval veneziano a exemplo daquele que acontece na cidade italiana de Veneza com as fantasias, mas não acontece na mesma data do carnaval, é preciso consultar o site : http://en.lac-annecy.com/ ou 
http://www.aria74.fr



Como curiosidade Carrefour significa “cruzamento” em francês, que foi onde nasceu a primeira loja da rede, num cruzamento na cidade de Annecy , sendo que suas cores remetem à bandeira francesa. E o pintor Cèsane pintou o lago de Annecy nesta pintura abaixo:





Nenhum comentário:

Postar um comentário