30/08/2014

Norcia e sua gastronomia de embutidos e trufas negras - Itália






A cidade de Norcia na Úmbria é conhecida pela paisagem de campo e os tradicionais produtos produzidos nesta região, especialmente os de porco e javali. A quantidade de lojas que vendem embutidos é impressionante, lembrei muito dos meus avós italianos que fabricavam no Brasil produtos similares. É considerado um paraíso gastronômico com a arte do processamento da carne de porco, que remonta a 1200 e cidade da trufa negra. Percorrer as ruas de Norcia é um convite aos sentidos com todos estes aromas no ar.

 





A principal Basílica em estilo gótico do século 13 é dedicada a São Bento e está ligado a um mosteiro beneditino na Piazza San Benedetto. Na mesma praça fica a Fortaleza ou Castellina, antiga residência dos governadores do papa.

Basílica São Bento


Piazza San Benedetto e a Fortaleza atrás
Visitar uma cidade como Norcia não é completa se você não degustar de sua especialidade, e foi o que fizemos no Restaurante Granado del Monte, dentro do Hotel Grotta Azzura da família Bianconi, o mais antigo restaurante da Úmbria desde 1850 e considerado um monumento nacional da gastronomia. A entrada é uma Enoteca com vários rótulos de vinho e cervejas. A proprietária com foto abaixo veio nos receber pessoalmente com uma simpatia e alegria encantadora. Outro Restaurante da Família que está entre os cinco melhores da Úmbria é o Vespasiano dentro do Hotel Palazzo Seneca, em Norcia e a poucos passos da Piazza San Benedetto.





Família Bianconi - http://www.bianconi.com/

A Trufa negra é uma especialidade de Norcia  e um fungo que nasce sob a terra a uma profundidade de 20 a 40 cm, próximos à raiz de carvalhos e castanheiras. Entre tantas histórias  para comprovar sua origem, uma delas  é que foi criada por um raio arremessado por Júpiter na proximidade de uma árvore de carvalho, considerada também sagrada para os deuses. Como Júpiter era reconhecido por seu um Deus dinâmico sexualmente, a trufa ficou associada a sua propriedade afrodisíaca. Encontrada principalmente na Úmbria e Toscana  é chamada de "ouro negro", ou "pérola negra ou ainda, "Diamante Negro", devido sua raridade e alto custo. É o produto mais valioso da gastronomia italiana e as francesas da região de Périgord são consideradas as melhores. As Trufas brancas custam cinco vezes mais e são encontradas na região de Alba, próxima a Turim e Milão, na Itália.

Trufa Branca e Nera
Massa com Tartufo Nero do Restaurante Rocca Borgia em Camerino-Itália



Em Norcia comprei um Torrone ao Tartufo Nero, uma barra de chocolate macia com Trufa negra, avelã e cacau envolta em chocolate em pó com o formato final muito parecido com a trufa encontrada na terra. O sabor é bem forte e nunca experimentei nada assim, um chocolate de paladar único.




Nenhum comentário:

Postar um comentário