12/04/2014

Planejamento financeiro na Viagem




A maioria das pessoas gosta de viajar, mas algumas detestam controlar o dinheiro durante a viagem e acabam não aproveitando direito o passeio com a preocupação de passar apertado em um país estrangeiro. Desde a nossa primeira viagem desenvolvemos uma técnica para controlar os gastos e aproveitar tudo com mais tranquilidade. Tudo começa com o planejamento em uma Planilha Excel que eu desenvolvi e consiste em colocar alguns dados e todas as estimativas de gastos.




Dividimos as colunas na parte superior de forma horizontal da  Planilha da seguinte maneira: 

Data 

Dia da semana - importante para não agendar neste dia passeios em museus, por exemplo, onde a maioria fecha às segundas-feiras.

Roteiro Básico - coluna para colocar o nome da cidade ou das cidades.

Aéreo-Trem e Translado - nesta coluna fazemos uma subdivisão de duas colunas, uma para anotar a estimativa do gasto e a outra para especificar. Exemplo: primeira coluna 30,00 euros, segunda coluna - trem Firenze-Roma, ou uma passagem aérea ou um translado, ou um passe de metro, etc. Quando a viagem inclui mais do que um pais com moedas diferentes, acrescentamos uma coluna separada para cada uma e na soma final sabemos quanto precisaremos em cada moeda.
As passagens aéreas e de trem normalmente já compramos antecipadamente pela internet, portanto servem apenas para o orçamento final e separar o dinheiro para os pequenos gastos.

Hotel - segue o mesmo conceito da coluna acima e anotamos também os Tax que são cobrados no check-out e nem sempre está incluso na reserva. Como reservo no site da booking.com, o valor é informado na página do hotel e geralmente são 2 a 6 euros por dia/pessoa.
Pagamos os hotéis no cartão de crédito antecipadamente ou no check-out e desta maneira não nos preocupamos em carregar dinheiro para esta finalidade.

Passeios - no mesmo conceito acima anotamos os possíveis gastos no dia correspondente com entrada de museus, ônibus de turismo,passeios de barco, aluguel de carros com gasolina, estacionamentos, guarda-volumes de malas, etc. Alguns passeios são comprados antecipadamente pela internet para  evitar filas  e levamos impresso os tickets.

Alimentação - uma coluna para cada moeda diferente, exemplo: euro para Europa e Franco Suiço para Suiça ou Libra Esterlina para Inglaterra, etc. 
Mas como saber o gasto com alimentação? Não é fácil e depende da rotina de cada um. Nós fazemos refeições mais práticas e rápidas enquanto passeamos em alguma cidade para não perder tempo em restaurante e deixar de conhecer alguma coisa interessante, principalmente se for a primeira visita. Deixamos os restaurantes para noite e dependendo do lugar ,ou compramos algumas coisas no supermercado e comemos no quarto do hotel. Antes da viagem pesquisamos alguns restaurantes no destino e o site da Tripdavisor é ótimo para isto, depois entramos no site do restaurante para verificar o Cardápio que alguns disponibilizam preços. Mesmo não tendo a intenção de ir aos restaurantes pesquisados, servem como base de custo de uma alimentação. 
Com estas informações estimamos um valor de alimentação a ser gasto por dia e tentamos nos enquadrar neste orçamento. É claro que algumas vezes gastamos mais ou até menos da cota diária e sempre deixamos uma reserva maior, mas sabemos que até o final da viagem o gasto está previsto e reservado. E o cartão de crédito serve para algum restaurante bacana que encontrarmos.

Compras e Souvenir - no mesmo conceito já comentado acima de uma coluna para cada moeda , reservamos um valor para esta finalidade e por dia. Exemplo: podemos estimar em uma viagem gastar 50 euros por dia em compras e souvenir e deixamos este dinheiro separado retirando para a carteira a quantia diária . Deste modo sabemos que até o final da viagem teremos dinheiro para comprar o que quiser. Também usamos o cartão de crédito para alguma coisa além deste valor. Este é o único da lista que separamos um valor para cada um, assim meu marido e eu temos liberdade de comprar o que quiser sem depender do outro. Podemos entrar em uma loja e cada um comprar o que quiser da sua cota porque o valor está separado na carteira de cada um. 


No final somamos cada coluna , criamos um resumo com os gastos divididos por categoria e fazemos a conversão no próprio excel com a cotação do dia para saber o custo da viagem e quanto precisaremos por dia.Separamos o dinheiro por finalidade e guardamos com um post-it na bolsa de cintura de viagem, retirando diariamente a quantia da planilha naquele dia. 



E com a maioria das coisas pagas antecipadamente e outras no cartão de crédito, fica mais fácil controlar o dinheiro e aproveitar a viagem sabendo que terá o suficiente até o final da viagem.





Nenhum comentário:

Postar um comentário