29/03/2011

Dicas do Centro Histórico de Madri - Espanha


Já comentei em outros post que gosto muito de Madri , e na minha opinião é a melhor porta de entrada da Europa para quem viaja pela primeira vez e sózinha. Não que eu não goste de outras porque sou uma amante de cidades, mas esta em especial é fácil de conhecer e circular, animada e com uma arquitetura muito peculiar.


Gran Via

A Gran Via é a avenida principal  que passa pelo centro histórico e local de muitas lojas e edificações com arquitetura de influência moura. A maioria dos hóteis e hostals ficam nesta região de fácil acesso com metro e ônibus. O ponto de partida da sua caminhada pode começar pela Praça Callao, onde fica a loja El Corte Ingles, um edifício de vários andares de produtos separados por categorias e boas opções de alimentação no último piso, além de um supermercado no sub-solo. Desta praça saem duas ruas de pedestres "Calle de Carmem " e "Calle de Preciados" para a Puerta del Sol, o coração e marco zero da cidade. A Praça Callao também tem uma estação de metro de mesmo nome e é ponto final de alguns ônibus. O site da empresa de transporte de Madri com todas as informações é este: http://www.ctm-madrid.es/


A Puerta del Sol era uma das entradas do muro medieval da cidade e o nome deriva de um sol que ornamentava a porta. Também tem uma estação de metro de mesmo nome e muitos bares e restaurantes próximos como o Museu do Jamon na Calle Mayor 7 , onde pode-se provar o famoso presunto espanhol. A estátua do urso que simboliza a cidade também fica na Puerta del Sol e foi mudada recentemente de local, "el oso y el madroño".

  
Continuando pela Calle Mayor chega-se na Plaza Mayor que já comentei em outro post aqui e o Mercado de San Miguel e o Palácio de Santa Cruz, todos próximos um do outro.


Mercado São Miguel

Palácio Santa Cruz

Continuando a caminhada pela Calle Mayor você passa pela Plaza delle Villa, onde ficava a prefeitura da cidade e chega na Catedral de Santa Maria, a Real de Almudena com mistura de estilos neoclássicos no exterior, neogótico no interior e neoromânico na cripta. A fachada principal fica em frente ao Palácio Real de Madri, também chamado de Palácio do Oriente. Hoje o Palácio é usado apenas em cerimônias de gala porque os reis moram no Palácio de Zarzuela, mas a visita pelo interior pode ser realizada e não deixem de conhecer a Sala do Trono e o grande salão de gala.


Plaza della Vila

Catedral de Almudena





Plaza Oriente

Sala do Trono
Na Praça Oriente também fica a Ópera e caminhando mais um pouco chega-se na Plaza de Espanha com escultura de Dom Quichote. E próximo da praça fica o Templo de Debot, um presente do Egito pela ajuda da Espanha em salvar os templos da Nubia, promovido pela Unesco.



clique sobre a imagem para ampliar

Acima coloquei imagens do google sinalizado os pontos a serem visitados e pode parecer longe mas a caminhada é super agradável porque é plana e as ruas que comentei são movimentadas de pessoas. Esta parte  é considerado o centro histórico , e se tiver tempo de se perder pelas ruas próximas a Calle Mayor poderá conhecer um pouco mais desta Madri.

Nenhum comentário:

Postar um comentário