05/12/2010

Vinhedos da Família Alighieri - Itália


Vinhedos Serego Alighieri na região de Valpolicella , região do Vêneto- Itália


Dante Alighieri durante o exílio de Florença na Idade Média , ficou estabelecido na cidade de Verona e depois em Ravena, onde faleceu e está enterrado. Pietro, seu primeiro filho comprou terras em Gargagnago, vizinha de Verona, no coração da histórica região de Valpolicella, em 1353. Até os dias de hoje a propriedade “Casal dei Ronchi” pertence aos descendentes diretos de Dante, os Condes Serego Alighieri com produção de vinhos e uma “Foresteria”, uma velha residência de camponeses reformada para pousada de luxo.

Piazza Dante Alighieri com sua escultura em Verona

Foresteria Casal dei Ronchi

O patriarca Conde Pieralvise Serego Alighieri,produz vinhos e outros produtos com possibilidade de degustação, aulas de culinária com receitas típicas como o “risotto ai piselli e pancetta”, feito com arroz “ vialone nano” , uma variedade típica da região com grão curto, e uma torta doce chamada “sbrisolona”.




Produtos como vinhos, geléias, mel, arroz vialone nano, grapa, azeite, aceto balsámico, etc



Depois de sete séculos, os descendentes de Dante Alighieri voltam à Toscana para expandir seus negócios na região de Cinigiano, entre Val d´Orcia e Montalcino, em parceria com Sandro Boscaini, presidente da Masi, um dos mais prestigiados grupos de vinho italiano. Os vinhos mais consagrados são os tintos Amarone della Valpolicella seco , e o Recioto Casal dei Ronchi doce, clássicos DOC. O Amarone e o Recioto são tipicamente italianos e a empresa Masi em parceria com Serego Alighieri é líder na fabricação destes vinhos históricos com a técnica de secagem das uvas ao modo Veronese , conhecido desde os tempos romanos.


Serego Alighieri e Masi em Toscana



Vaio Amaron Amore Clássico Serego Alighieri


Recioto Casal dei Ronchi

2 comentários:

  1. Fernanda Albuquerque3/8/12

    Em primeiro lugar gostaria de dizer que esse foi o melhor blog sobre viagens que já vi!

    E vendo esses vinhos te pergunto se é viável/permitido comprar um e trazer na mala, visto que não sei se pode carregar qualquer tamanho de garrafa de vidro e tbm tem o fato de que ele pode se quebrar e ainda sujar todas as roupas (ainda mais no meu caso, pois iremos de excursão, serão muitos lugares em poucos idas..não devem tratar tão bem as nossas malas rsrs)

    ResponderExcluir
  2. Obrigada e passe sempre por aqui para ver os novos posts. Em voos internacionais a restrição de líquidos não permite trazer na bagagem de mão e eu não arriscaria trazer na mala porque podem quebrar.Aproveite para apreciar durante a sua viagem.

    ResponderExcluir