21/11/14

Lago Maggiore - Itália

Lago Maggiore

Nos posts anteriores,detalhei como chegamos a Stressa no Lago Maggiore e o ínicio do passeio pelo "Lagomaggiore express".Um roteiro que reúne trem e barco passando por paisagens incríveis do Norte da Itália e montanhas Suíças. Mas se você quiser pode fazer apenas o passeio pelo Lago Maggiore comprando o bilhete do barco no Pier "Navigazione Lago Maggiore",em frente ao centro histórico de Stressa.

Para programar sua viagem pelo Lago Maggiore consulte o site
 
http://www.navigazionelaghi.it/

Pier de Stressa




Pegamos o barco Lago Maggiore Express de Stressa a Locarno na Suíca, saindo às 11h15 e chegando às 14h30. http://www.lagomaggioreexpress.com/  
No barco é servido almoço mediante reserva no pier a um custo médio de 15 euros, mas funciona um bar com petiscos e bebidas caso não queira uma refeição completa. 



O barco que pegamos parava nas pequenas cidades apenas para pegar passageiros e passava ao lado das principais ilhas do lago, mas outros barcos oferecem um tour completo com paradas.A principal delas é Ilhas Borromeu, um conjunto de 3 ilhas e uma das principais atrações com o Palácio Borromeu da família feudal ,originária de Florença que construiu belos palácios e jardins. Duas das ilhas recebem turistas e permitem a visita dos palácios: isola Madre e Isola Bella com o Palácio Borromeu e mais de 2000 espécies de plantas nos jardins italianos.

Palácio Borromeu
 
 







 



O dia estava absurdamente lindo com um céu azul,e não poderia ter sido melhor para este passeio. Passamos também pela ILha de Cannero com ruínas de uma fortificação dos tempos feudais e das guerras entre guibelinos e guelfos; e as ilhas Brissagio na parte Suíça do Lago. A bandeira da embarcação é trocada da italiana para a Suíca quando chega no limite entre os dois países do Lago Maggiore. As cidades na beira do lago também exibem a bandeira de seu país.

Isola Cannero

Isola Cannero

Isola Brissagio



O barco parava nas pequenas cidades da beira do lago para pegar passageiros,e uma mais encantadora do que a outra. A primeira foi Baveno com uma torre alta de relógio marcando a paisagem, depois Pallanza, Verbania, Cannero RIviera, Cannobio,Ascona e Locarno entre outras.Difícil escolher a mais bonita, mas a que mais me encantou pelo colorido das casas  foi Ascona, perfeita como Stressa para passar alguns dias com o charme de uma cidade balneário italiana.

Baveno

Pallanza
Verbania

Ascona
Ascona

Ascona
Poucas pessoas conhecem este passeio na Itália,e é uma ótima opção saindo de Milão que você pode fazer sem excursão e com custos baixos.






17/11/14

Stressa - Itália



Continuando o post anterior onde partimos de Milão a Domodossola para pegar o trem Lago Maggiore Express (http://www.lagomaggioreexpress.it/ ), chegamos à cidade de Stressa na beira do lago. É uma cidade balneária linda, charmosa e com certeza voltaremos para passar alguns dias por aqui. Na Idade Média foi feudo dos Senhores de Visconti, mas a família Borromeu construiu palácios durante o século 16 e 17 que deram o charme que a cidade tem até hoje. O mais famoso fica na ilha de mesmo nome com um palácio barroco e jardins italianos.
 




Nós compramos o bilhete em Domodossola completo quer inclui o trecho de trem com a trenitalia Domodossola-Stressa, o barco Stressa-Locarno com navegação pelo Lago Maggiore e o trem com a ferrovia Centovalli e Valle Vigezzo de Locarno a Domodossola com custo de 34 euros.  Você pode comprar os trechos separados e fazer uma parte da viagem com preços variados que podem ser consultados pelo site acima.


O trecho completo permite uma viagem na parte meridional da Suíça pela região de Ticino, atravessando pontes entre vales, cascatas, bosques de castanhas e vilas.O passeio de barco passa pelas ilhas de Borromeu, Castelo de Cannero, ilha Brissago e diversas cidades na beira do lago que detalharemos no post seguinte.

O trem de Domodossola, ou se vier de direto de Milão ou outra cidade itália, fará parada na estação de Stressa com arquitetura de madeira e influência Suíca. Para chegar ao pier de saída dos barcos, basta caminhar uma quadra chegando na orla do lago. Importante neste trecho estar sem muita bagagem.

Estação de Stressa



Pier de Navegação

Os horários  podem ser confirmados no site:http://www.lagomaggioreexpress.it/
O site também tem informações de saídas de outras cidades do lago, o que permite maior flexibilidade para quem quiser passar alguns dias a mais.

DOMODOSSOLA - STRESS  com Trem Trenitalia  
partida 8h28 - chegada 8h55 ou
partida 9h48 - chegada 10h24

STRESSA- LOCARNO com barco Lago Maggiore
partida 11h15
chegada 14h30
com restaurante a bordo e  almoço com custo de 15 euros. Necessidade de reservas no ato da compra do bilhete.

LOCARNO - DOMODOSSOLA com trem Valle Vigezzo Centovalli
partida 15h49 - chegada 17h36
partida 16h49 - chegada 18h36
partida 17h47 - chegada 19h36
e ainda uma opção de partida 15h49 com chegada em S.Maria Maggiore 16h53, partida às 18h53 e chegada em Domodossola às 19h36.

Veja o próximo post sobre a navegação do Lago Maggiore.


15/11/14

Domodossola - Itália


Começamos nossa viagem da Itália à Suíça com o objetivo de pegar alguns trechos panorâmicos, e um passeio partindo de Milão  é o Lago Maggiore Express, um trem que sai de Domodossola até a cidade de Stressa na beira do Lago, depois um barco que atravessa todo o lago até a cidade de Locarno e mais um trem de volta passando por uma região linda da Suíça. 




Domodossola na região do Piemonte italiano adquiriu o seu nome do latim "Domus”, é capital administrativa com a igreja principal após o estabelecimento do cristianismo na região de Ossola. Região conhecida também pela produção de avelãs, trufas e os vinhos Barolo, Barbaresco,Brachetto e Dolcetto.




O bilhete de trem de Milão à Domodossola custou nove euros no site da trenitalia www.trenitalia.it. Saímos da Estação Central de Milão às 7h25 e chegamos às 8h43 em Domodossola. 

Para pegar o trem panorâmico Lago Maggiore Express é preciso comprar o bilhete na hora porque eles não vendem online, mas é super simples e até escrevi para eles antes da viagem e me responderam prontamente que sempre tem lugares. A bilheteria não fica no saguão como em todas as outras estações, mas abaixo dos binários das linhas de trem, portanto assim que saltar em Domodossola é preciso descer as escadas em direção ao Saguão de entrada e seguir as Placas como da foto acima.

No site tem mais informações: http://www.lagomaggioreexpress.com/  


Em maio de 2014 o site apresentava dois horários de saída de Domodossola à Stressa: 8h28 chegando 8h55, e saindo 9h48 e chegando 10h24. Pegamos este último com tempo de tomar café na estação de Domodossola, e descobrimos também que existe a possibilidade de ir direto de Milão à Stressa sem fazer este primeiro percurso e também não fazer o percurso de volta a Domodossola e seguir viagem partindo de Locarno, que foi o que fizemos.


Veja o post seguinte sobre a cidade de Stressa e mais detalhes do Lago Maggiore